terça-feira, 4 de dezembro de 2018

A raiz do antinacionalismo "disfarçado" de Bolsonaro

Conde é o ca...lho. Eu sou o rei dessa po..ra! 
Dom Afonso Henriques, na historiografia olaviana, 
foi uma espécie de líder de facção e Portugal era uma boca de fumo .


Para se entender a raiz da subserviência de Bolsonaro aos interesses estrangeiros, expressa politicamente na escolha na dupla Ernesto Araújo/Paulo Guedes, é necessário compreender o pensamento do seu guru, o ocultista Olavo de Carvalho. Ainda lembro do mesmo, repetidas vezes até o ano 2013, explicar uma suposta covardia dos brasileiros atribuindo-a à herança lusitana. 

Segundo o guru, isso se devia ao facto de terem os portugueses vivido durante séculos numa posição de incerteza, espremidos entre os senhores muçulmanos e cristãos. A imbecilidade de tal opinião, ou melhor, palpite, salta à vista de qualquer conhecedor da reconquista. Olavo apenas provou que desconhece os factos básicos do processo, como as sucessivas deslocações de populações cristãs do sul da Península Ibérica para norte e a posterior ocupação do sul despovoado a partir do norte, para além da própria história militar luso-brasileira. Se a guerra brasílica contra a WIC, contemporânea do esforço militar português no velho continente contra os temidos tercios espanhóis (e no caso dos espanhóis, por qual razão não valeria o mesmo raciocínio?), fosse conhecida do auto-proclamado sábio, deveria bastar para que tal ideia pueril fosse descartada e não chegasse ao cúmulo dessa formulação artificiosamente idiota, que mostra que a sua imagem mental do medievo ibérico foi inspirada em filmes sobre o feudalismo inglês ou francês! 

Tais imbecilidades, expressas com um tom de certeza e com um grau de detalhe que dão a impressão de que ele realmente estudou o assunto,  são a regra no pensamento olaviano, e não se restringem apenas à História, mas abrangem a própria Filosofia, área que supostamente domina (ver aqui). Recentemente, seu discurso público sobre essa suposta covardia luso-brasileira mudou por mera conveniência pois caía mal entre os monárquicos, para além dos católicos em geral, mas os fundamentos continuam lá, ao menos para os mais atentos, como se poderão constatar na obra de propaganda “Brasil Paralelo”. 

Hoje li um artigo que pega na "obra magna" do bruxo da Virgínia e dá mais um exemplo da ignorância desse autodidacta lusófobo oriundo do submundo da astrologia. Aqui deixo um trecho:


Tal pérola merece ir para os anais da imbecilidade travestida de sabedoria! Olavo, em questões históricas, está ao nível de uma conversa de bar ao estilo “os portugueses roubaram o ouro do Brasil” e o seu pupilo, Jair Bolsonaro, que nem sequer domina a língua-pátria, consegue ser ainda mais raso. Não é por acaso que se comporta como um lacaio perante aqueles que lhe causam complexo de inferioridade, que são os mesmos que embasbacam o seu guru, um provinciano encantado por uma América que jamais compreendeu e que jamais o aceitou. Quanto a essa falta de aceitação, no Brasil, ele podia reclamar de não ter sido convidado para dar aulas alegando que isso se deve a uma suposta inveja da academia brasileira em relação ao seu génio (quem mais, a não ser o grande Olavo, o Jack Parsons tabajara, poderia ter feito um experimento de transmigração numa Barca Egípcia construída por ele próprio e ser aclamado pela populaça como o maior sábio da nação depois de um internamento num hospício?). Mas e na América, como ficamos? 

Incrível que um gigante do porte de Olavo de Carvalho, que até recebeu um visto de génio, seja completamente ignorado em Harvard, Yale ou Princeton, apesar de todos os seus esforços para chamar a atenção da academia e da inteligentsia local! Bom, talvez a academia americana seja dominada por comunistas e o "KGB" deu ordens para que ele fosse ignorado, afinal, é o homem que derrotou Dugin...

19 comentários:

  1. Olavo de Carvalho segue a velha tática de demonização do catolicismo, herança ibérica, nações católicas etc etc etc para defender a imagem dos países anglo-saxões.

    Não é nada diferente do que fazem a maioria dos protestantes brasileiros baba-ovos de americanos que tem como que obrigação ridicularizar a nossa herança portuguesa e consequentemente a nova origem católica para tentar fazer a fé dos católicos diminuir e acabar no país para que eles, protestantes, apareçam como salvadores da nação junto dos ocultistas sionistas.

    Troque o nome do Olavo de Carvalho e coloque no lugar nomes como Julio Severo, Luciano Ayan, Joice Hasselmann, Jair Bolsonaro, o pessoal do MBL, Silas Malafaia, Edir Macedo, etc etc etc, e verás que não muda nada. Eles seguem até o mesmo roteiro.

    ResponderEliminar
  2. Eu acho que é comum entre esses desinformantes a serviço do sionismo maçônico praticar essas aberrações "historiográficas"!

    Outro da mesma laia do Olavo de Carvalho é esse aqui:

    http://juliosevero.blogspot.com/2018/11/como-o-socialismo-quase-destruiu-os.html

    O paspalhão do Julio Severo traduziu um artigo pra lá de picareta onde tenta induzir os leitores de que capitalismo e socialismo eram ideologias que já existiam (vejam só!) no século XIV.

    Sério que tem gente que acredita nessa gente?!

    ResponderEliminar
  3. O astrólogo já tinha até declarado que era da "raça portuguesa" e nasceu no Brasil por acaso. Talvez foi o carma que o trouxe aqui, mas acho que "a culpa é das estrelas" como o astrólogo gosta de dizer. Acho que talvez ele estivesse imputando a covardia dele a "raça portuguesa". Acho que realmente tem mesmo algo errado com o DNA dele, talvez ele devesse fazer um exame de "pureza racial" pra converter-se ao sionismo de uma vez.

    Todos os historiadores são esquerdistas, por isso o astrólogo nunca leu um livro de história na vida.

    O acordo entre os reis católicos da península era de que poderiam ficar com os territórios tomados aos mouros, sem reclamações posteriores. Quando você diz que Portugal encontro o sul desabitado foi por bondade da Espanha (Reino de Castela) que não ocupou aqueles territórios e deixou para Portugal.

    O astrólogo pede a canonização do Ditador Francisco Franco, mas nunca pediu a canonização da Rainha Isabel I.

    Os monarquistas são um bando de parasitas (que sonham em mamar nas tetas do estado), então é natural que tenham afinidade com o astrólogo cafetão que nunca trabalhou e sempre foi sustentado por mulheres.

    Os católicos que sequem o astrólogo são todos fascistas imbecis, afinal o astrólogo é maçom-sionista e gnóstico-perenialista. Ele alega ser cristão (deixou até de dizer que é católico pra não desagradar os evanjegues que são a maior parte do publico dele), apenas pra destruir o cristianismo por dentro.

    Todas as universidades do mundo são dominadas pelos esquerdistas, por isso ele parou de estudar na quarta serie.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olavo de Carvalho é judeu. Ele mesmo já disse que tem sangue judeu, se não estou enganado, pelo lado da mãe.

      Aqui mesmo no Prometheo Liberto tem um artigo mencionando isso.

      Eliminar
    2. Ele é apenas um cripto-judeu, ele não é da "raça pura".

      Eliminar
    3. Ele é mesmo judeu?
      Porque tem muito "jeito".

      O nome cristão-novo e o comportamento distorcido, a voz mansa e manipuladora que esconde artimanhas obscuras...

      Eliminar
    4. Vou terminar usando minha conta do google pra responder já que estou acessando bastante esse blog.

      Eu tenho uma memória fotográfica, então lembro do artigo, se não me engano esse artigo é ilustrado com uma foto dele sorrindo de maneira sinistra e segurando três livros sagrados de religiões diferentes.

      Poucos "cristãos novos" mantiveram a pureza racial através da endogamia. O problema é que se o astrólogo defender esse grupo que converteu-se falsamente ao cristianismo os católicos vão reclamar muito.

      O astrólogo usou outra história fantasiosa.

      Ele disse que tinha uma "avó judia" só faltou dizer que ela sobreviveu a um certo "conto de fadas", pra história ficar perfeita.

      Os judeus verdadeiros disfarçam bem, por isso todo mundo tem essa impressão que os falsos judeus, como o astrólogo são piores. Os falsos costumam "criar personagens" reforçando certos esteriótipos pra provar que são verdadeiros. Isso é um pouco complicado de explicar. Acho que um camponês morto de fome da Polônia que virou sionista pra não morrer de fome está muito mais disposto a morrer pela entidade sionista que um banqueiro da "City of London" das 13 famílias iluminatis da raça pura. Não foi um bom exemplo, mas é mais ou menos assim.

      "O comportamento distorcido, a voz mansa e manipuladora que esconde artimanhas obscuras". Podem ser características dele ou simples imitação (os falsos tentando parecer mais verdadeiros que os verdadeiros).

      Certas características negativas não são exclusivas de determinada religião/raça. Obviamente quem tem essas características termina virando sionista ou virando escravo deles, através da maçonaria ou das seitas heréticas protestantes.

      Questão de afinidade energética e vibratória.

      Eliminar
    5. 17:30 voce tem alguma religiao??

      "Questao de afinidade energética e vibratória."

      Poderia explicar um pouco mais sobre isso.

      Eliminar
    6. "Deus faz, o vento espalha e o diabo junta", os da mesma laia terminam juntando-se.

      Eliminar
  4. O Papa mandou uma raposa tomar conta do galinheiro. O Papa é burro? Ele mandou um padreco gnóstico, discípulo do astrólogo combater a infiltração gnóstica?

    https://www.youtube.com/watch?v=ZkYnvaXxotw

    ResponderEliminar
  5. O complexo de vira-latas da família bozo diante dos gringos e dos porcos sionistas é algo que gera vergonha alheia. Os reaças não tem sequer identidade própria, tal é o nível de burrice deles, só ficam imitando os gringos.

    Os gringos não tem cérebro, por isso viraram escravos dos sionistas. A direita brasileira que também não tem cérebro pretende seguir o mesmo caminho.

    Os gringos gostam de tratar traidores de outros países como heróis, por isso idolatram os gusanos de Cuba e os vira-latas brasileiros. Provavelmente foi nesse contesto que receberam o astrólogo, já que ele é um vira latas e odeia o Brasil e o povo brasileiro.

    Os gringos deram esse visto pro astrólogo pois ele é um bom adestrador de burros. Basta ver que ele transformou a direita "nacionalista, embora complexada" em um bando de neoconservadores que odeiam o Brasil e o povo brasileiro. Até os militares o astrólogo doutrinou, com ajuda da maçonaria. Por isso o Bozo consegue ser pior que o Geisel em TODOS OS ASPECTOS.

    Os gringos possuem vários "olavos", de diversas nacionalidades. Tem o da Romênia que é o principal e o mais famoso. O pai daquele atirador homofóbico que matou 50 era o olavo do Afeganistão.

    ResponderEliminar
  6. O que o maçom Mourão falou sobre a herança ibérica é algo inacreditável. Mesmo sendo brasileiro fico indignado com os ataques dos iluminatis contra a história portuguesa e até contra a história espanhola.

    As grandes universidades são controladas pelos iluminatis. Falando em "reescrever a história". Os historiadores anglo-saxãos agora dizem que Portugal foi o país mais escravocrata da história. Obviamente a Inglaterra é a "grande potência escravocrata", o país que mais lucrou com a escravidão na Idade Moderna. O problema é que muitos historiadores portugueses estão sendo doutrinados pelas "grandes universidades" e estão repetindo essa mentira. Será que eles acham que uma mentira repetida 1000 vezes vira verdade?

    Não acredito que exista nada de bom nas "grandes universidades" como acredita a esquerda lacradora. Os gringos só exportam burrice e ideologias que são "boas pra eles e ruins pro resto" como o neoliberalismo.

    Os "movimentos negros" no Brasil e em Portugal são simples fantoches do movimento negro estadunidense, controlado pela Fundação Ford (que é iluminati). O movimento negro estadunidense sempre combateu o "diabólico colonialismo português", mas nunca criticaram o regime sionista, o Apartheid na Africa do Sul, o colonialismo e o neocolonialismo estadunidense e etc...

    O que astrólogo faz não é nada sofisticado, ele apenas deturpa a história e cria "fanfics" compatíveis com a ideologia que ele defende. Afinal todos os seguidores dele são burros e acreditam cegamente no que ele diz.

    Os membros da seita não tem senso crítico, por isso as "fake news" são tão eficientes com eles. Eles não se preocupam sequer de fazer uma pesquisa no google, acreditam em tudo.

    Um dos aspectos mais perigosos de importar a burrice dos gringos é justamente importar o "movimento antivacinas", "terra plana", "negadores do aquecimento global".

    O astrólogo deveria mofar na cadeia por defender o "movimento antivacinas".

    ResponderEliminar
  7. Mais importante que o Olavo na propaganda pró-Olavo é o padre Paulo Ricardo. É um infiltrado na Igreja fazendo muito estrago. Sem o padre Paulo Ricardo o Olavo não tinha a importância que tem!

    ResponderEliminar
  8. Bolsonaro vai mostrar o seu valor a contra gosto da esquerda nojenta que esteve até pouco tempo no poder e quase destruiu nosso país.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Depois que o.Boca destruir o Brasil conversamos.

      Eliminar
    2. Que "Boca"?

      O Boca Juniors?

      Eliminar
  9. O Bozo é um débil mental, exatamente igual ao Trump, ele não tem cérebro então alguém vai pensar por ele.

    A ilusão da direita tradicional e da esquerda lacradora é achar que livrando-se do astrólogo o Bozo vai "desradicalizar".

    O problema é com o próprio Bozo, conforme a "lei da atração". Caso ele livre-se do astrólogo vai terminar arrumando outro "guru" igual ou até pior.

    ResponderEliminar
  10. O Odalisco fez uma postagem (eu a vi num vídeo do Henry Bugalho quando este explicava as táticas do guru para desviar a atenção - mover o gol ) na qual ele tira o livro O Jardim das Aflições do rol das obras filosofia. Mas no próprio livro o desgraçado diz tratar-se de uma obra de filosofia. É que pegou mal demais a análise acachapante do Loryel Rocha e também do trecho que você citou mais acima, deitando-o abaixo como fizeram os bombeiros como a parede que vedava o acesso à barca egípcia. Você tem razão: ele não é um filósofo, mas um autodidata oriundo do submundo da astrologia. Nada mais que isso.

    ResponderEliminar